Seu browser não suporta execução de scripts.

Guarda Municipal de Novo Hamburgo

  • Banner guarda municipal
  • uso adequado da cadeirinha
 

Programa Escola Mais Segura recebe prêmio estadual

07/11/2017 23:30

O município de Novo Hamburgo recebeu na noite de terça-feira, 7, o Prêmio Gestor Público 2017 com o certificado de reconhecimento ao Programa Escola Mais Segura, ação desenvolvida em parceria pelas secretarias de Segurança e da Educação. O evento de premiação foi realizada no Teatro Dante Barone, localizado no Palácio Farroupilha, em Porto Alegre. A prefeita Fátima Daudt recebeu a premiação ao lado do secretário de Segurança, General Roberto Jungthon, e da secretária de Educação, Maristela Guasselli, e dos guardas municipais ligados ao programa, inspetor-chefe Ulisses José da Silva e do guarda Carlos Alexsander Cirne Lopes.

“Estamos muito felizes em receber este reconhecimento pelo esforço que fazemos para melhorar as condições da educação e segurança na nossa cidade”, destacou Fátima.

O Prêmio Gestor Público 2017 está na sua 16ª edição e é uma realização do Sindicato dos Servidores Públicos da Administração Tributária do Estado do RS (Sindifisco-RS) e da Associação dos Fiscais de Tributos Estaduais do Rio Grande do Sul (AFISVEC).

Programa Escola Mais Segura

O programa busca aumentar a segurança no entorno das instituições de ensino, por meio de rondas da Guarda Municipal. O Escola Mais Segura está focalizado em ações de prevenção à violência nas escolas mais vulneráveis, selecionadas a partir de diagnóstico estatístico e pactuação por consenso

Ainda entre os objetivos pode se destacar a estruturação de uma política municipal de prevenção às violências, com diversas formações realizadas nas redes municipais abordando os temas: violências entre os alunos, institucional e contra o patrimônio, aumentando e potencializando a segurança cidadã no ambiente escolar.

Com este projeto foi possível informar a população e qualificar a intervenção de prevenção às violências nas escolas com dados sobre temas que estruturam e motivam as violências, com foco nos jovens, como: bullying, meio ambiente e sustentabilidade, prevenção no trânsito, o papel da família na educação dos filhos, prevenção ao uso de drogas, violência e abuso sexual.

Recomendar esta notícia via e-mail:
  • Imprimir
  • Recomendar
  • Compartilhe
  • PDF
  • Inicial
  • Voltar